E a ciclovia na Av. Presidente Kennedy?

1 Comment

A Avenida Presidente Kennedy, no Kobrasol, é uma das portas de entrada da cidade de São José. Na sua revitalização, ciclovia e calçada deram lugar à vagas de estacionamento.

Situada ao lado da Via Expressa que liga Florianópolis à BR-101, é uma avenida que sofre com o grande volume de veículos motorizados e é palco de engarrafamentos todos os dias.

Visando solucionar este problema, a avenida passou por uma revitalização entre 2011 e 2012, quando se transformou em via de mão única, funcionando em binário com a Beira Mar de São José. No projeto original, estavam previstas 2 faixas para motorizados particulares, 1 faixa exclusiva de ônibus, bolsões de estacionamento, alargamento da calçada nos dois lados da avenida, e também uma ciclovia.

presidente-kennedy-interna-(2)
Vista panorâmica do projeto original

A ciclovia seria construída no bordo sul das faixas de rolamento, ao longo dos 1.300m da avenida. Este seria o primeiro trecho de uma rede de ciclovias que estava começando a ser planejado para São José. A cidade estava prestes a seguir a tendência mundial de dar a mesma prioridade para todos os meios de transporte.

160310_revitalizacao_kennedy_01
Detalhe do projeto original

Mas ela foi retirada do projeto, por pressão dos moradores e comerciantes locais. No lugar dela, o espaço foi usado para (mais) vagas de estacionamento. No outro lado da avenida, as calçadas largas também deram lugar a mais vagas de estacionamento. Em resumo, a revitalização acabou dando mais importância aos carros do que às pessoas, que continuaram com calçadas estreitas. No julgamento dos que opinaram e optaram pelas mudanças no projeto, as vagas de estacionamento são mais importantes do que uma ciclovia, e a ciclovia poderia atrapalhar o trânsito por implicar no estreitamento das faixas de rolamento. As calçadas largas também. Aparentemente, tudo atrapalha o trânsito, menos o excesso de carros na rua e a falta de outras opções reais de deslocamento.

10891646
Projeto original
Agora
Ficou assim.

Outros argumentos utilizados incluem a percepção de que não havia ciclistas na região, portanto seria desnecessária a ciclovia. Esta é uma argumentação pobre, pois basta observar a avenida por alguns segundos para ver que a qualquer momento tem gente passando de bicicleta, e que são moradores e clientes locais. E só não tem mais ciclistas exatamente por não haver segurança e estrutura adequada para o trânsito de bicicletas, mas este raciocínio também não passou pela cabeça de quem opinou.

Também foi dito que já existe uma ciclovia na Beira Mar de São José, tornando ainda mais desnecessária a implantação da ciclovia na avenida. Ignoraram o fato de que a ciclovia está situada a cerca de 300m da avenida, bem longe do comércio e das residências locais, e que os poucos acessos à ela são de baixíssima qualidade. Sendo assim, ela serve muito mais para o lazer do que para o transporte de quem mora na região.

Info

A ironia é que, mesmo com todas as modificações, os motoristas continuam reclamando sobre a falta de vagas para estacionar, e o trânsito na região continua travado. É a típica consequência do pensamento que quer solucionar os problemas usando as mesmas técnicas que geraram o problema, esperando resultados diferentes.

One thought on “E a ciclovia na Av. Presidente Kennedy?

  1. Absurdo. Meia dúzia ganharam a vaga para estacionar na frente do trabalho, se chegar cedo né

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *