Melhorias na Via Expressa Sul

Apesar de se tratar de uma intervenção simples e barata, levou mais de 5 anos para que a proteção fosse instalada no local.

CurvaDaSeta-1
Guard-rails foram instalados ao lado da ciclovia.

Situado ao final de uma longa reta no final da Via Expressa Sul, o local em questão é resultado de um acesso provisório que foi construído em 2002, mas que acabou se tornando permanente com a construção do Elevado do Trevo da Seta em 2010. A ciclovia deste trecho só foi construída neste mesmo ano, e sofre de um projeto pobre que sequer faz conexão com a ciclovia já existente ao lado, e que até o início deste mês também não tinha proteção lateral.

Ao longo dos anos, inúmeros incidentes já resultaram em veículos motorizados invadindo a ciclovia e calçada do local, o que é perceptível pela constante presença de vidros quebrados e pedaços de carroceria de carros. Em pelo menos duas ocasiões, caminhões carregados tombaram sobre a ciclovia e calçada. Por sorte, nenhum ciclista ou pedestre ficou ferido.

02-03-2014-11-36-37-elevadoseta
Caminhão tanque tomba sobre ciclovia e calçada – 2014 | Foto: Jornal Notícias do Dia
20-08-2012-15-55-51-acidente-trevo-seta-caminhao
Caminhão tomba sobre a ciclovia – 2012| Foto: Jornal Notícias do Dia

Mesmo com diversas reclamações e pedidos enviados à prefeitura e ao Deinfra (responsável pelo trecho da estrada), apenas no início de junho de 2015 foi instalado cerca de 20m de proteção lateral na primeira curva do final da Via Expressa Sul. Apesar de se tratar de uma intervenção simples e barata, levou mais de 5 anos para que fosse instalada.

Curva
Local onde a proteção foi instalada.

A notícia agradou quem costuma passar por este trecho, já que aumentou a sensação de segurança. Torcemos para que a proteção seja real, e que evite incidentes futuros.

CurvaDaSeta-4
Tráfego a 80km/h vindo na sua direção? Pelo menos agora há algo entre eles e nós.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *